terça-feira, 15 de maio de 2012

AS BAIANAS DE ADALGISA COLOMBO


Diletos amigos e amigas, tudo bem? Espero que todos vocês estejam em paz e felizes! Hoje vamos relembrar o traje típico de Adalgisa Colombo, a nossa carioca Miss Brasil 58. Adalgisa se preparou  para ser Miss Brasil e planejou até os mínimos detalhes. Gisella Machado foi quem confeccionou as duas fantasias de baiana que Adalgisa levou para Long Beach - sendo uma toda branca, para usar em apresentações diurnas e outra em dourado para ser usada durante a noite. Foi uma pena mesmo não ter sido a Miss Universo 58, apesar de que Luz Marina Zuluaga também era uma belíssima "chica". Abraços

6 comentários:

Nelson Jr. disse...

Não gosto da beleza de Adalgisa, mas admito que tecnicamente ela é perfeita e merecia ter ganho o MU 1958.

Anônimo disse...

Adalgisa, com o passar dos anos, melhorou muito, ao meu ver: deu uma arrumada nas sombrancelhas (que eram mt grossas), deixou o cabelo crescer, etc. Eu tb não gosto do visual dela à época do MU 58, mas tenho que reconhecer que ela tinha uma elegância como poucas: dominava uma passarela de maneira espetacular, tinha brilho, luz própria, elegante, cassuda e já tinha as "manhas", por exemplo, ela mesma disse que passava óleo nas pernas para aperentarem ser mais grossas, que era o padrão exigido na época...Com certeza, deveria ter sido eleita MISS UNIVERSO 58...Eu sou DINDO, da Bahia.

Hamilton Mota mendes disse...

Adalgisa como sempre maravilhosa. Gisela Machado era mulher do grande empresário da noite Carlos Machado que fez shows memoráveis no Rio com mulheres maravilhosas. Adalgisa é e será sempre o diferencial entre as misses do Brasil. Ousada,chique,antenada,culta fez história e continua uma grande diva. Abraços. Hamilton.

Anônimo disse...

Evandro,

deveria virar lei e ser obrigatório a todas as misses do Brasil terem o traje típico inspirado na figura da baiana. O traje é a cara do nosso país.
Parabéns pela beleza de blog e um
forte abraço.

Muciolo Ferreira - jornalista do Recife

Wagner disse...

A propósito de Adalgisa.poucos sabem que ela se preparou durante um ano para ser miss.Fez locução em uma rádio no Rio, foi candidata a Miss Cinelandia,participou de filmes,desfilou como manequim na Casa Canadá na Rio Branco, estudou no Colégio Lycée Brasileiro,teve vestido rasgado no Miss DF,usou óleo Johnson para alongar as pernas,coque para dar mais beleza ao pescoço e parecer mais alta,tinha pouco queixo e levantava o rosto para disfarçar o pequeno defeito,foi moderna para época,seu pivot no Maracanazinho era irresistivel,esnobou atores em Hollywwod,coverteu-se ao judaismo e recebeu o nome de Deborah,desfilou como maneca com o nome de Gisa, mais muultimidia impossível,numa época que ninguém sabia o que era isto.Viva Adalgisa,Gisa,Deborah,Maravilhosa,Vitaminada,para mim a minha preferida. Wagner (

Anônimo disse...

Concordo com tudo que foi dito sobre Adalgiza e sua "beleza". Definiria a Miss 1958 do Brasil como a essência da elegância numa passarela. Nisso ela fez escola e aprendiz: Ieda Vargas. Apesar de ter renunciado por pretenso casamento, porém o que lhe faltou não foi elegância ou estética do conjunto do corpo, não nos esqueçamos que até hoje ela não engole nada a seco e fala muita coisa sem pensar. Isso precisa ser dito e concerteza a prejudicou na final com Zuluaga. Mas nem por isso lhe triou o brilho de uma grande mulher a frente de seu tempo e destemperada. Em 2008 Dayanna fez muito pior sobre Guantánamo, coisa que Adalgiza não faria. O que considero é que o MU foi implacável com as Misses Brasil dos anos 50. Se prevalecessem a elegância da maioria delas, os cuidados, a beleza da maioria delas, não teríamos apenas a Miss Universo 1954 por direito, mas a 1957 e a 1958. Apenas considero 1957 uma excessão porque a vestiram a peruana como uma Star hollydiana. Qualquer outra seria somente uma imitação dela. Gladys tinha na beleza exótica e um corpo perfeito para a época. Facialmente lembrava a Miss USA Mary Leona Cage, que mentiu por idade e por ter sido casada duas vezes, renunciou no mesmo ano. Para não ser reticente sobre o assunto de traje típico das baianas, apesar de o Brasil ser pluricultural, já existe pesquisa acadêmcia, isto é, a respeito do traje típico de baiana e que deve ser consu8ltado e divulgado.

http://www.google.com.br/url?sa=t&rct=j&q=&esrc=s&frm=1&source=web&cd=2&sqi=2&ved=0CGAQFjAB&url=http%3A%2F%2Fportal.iphan.gov.br%2Fportal%2FbaixaFcdAnexo.do%3Fid%3D919&ei=RZO1T9jpIMe16AHe4bThDw&usg=AFQjCNHlprrF9qEbTMU9uzFmcXzlKuqmEw&sig2=0uZFHGFvWAKCX0-dkxc0YA

MARCIO LANIDN

MARCIO LANDIN

PESQUISE QUALQUER ASSUNTO AQUI NO NOSSO BLOG

Carregando...

################## MISS UNIVERSO 64 KIRIAKI (KORINA) TSOPEI ##################

################## MISS UNIVERSO 64 KIRIAKI (KORINA) TSOPEI ##################

######## 50 ANOS DA ELEIÇÃO DA MISS BRASIL UNIVERSO 1964 #########

######## 50 ANOS DA ELEIÇÃO DA MISS BRASIL UNIVERSO  1964 #########

############################# PANTEÃO DO BLOG ###########################

############################# PANTEÃO DO BLOG ###########################

***************************** NOSSAS VICES-MISS UNIVERSO ********************************

***************************** NOSSAS  VICES-MISS UNIVERSO ********************************